Nova Imprensa

ossada
Reprodução/Tcheller Notícias
Ossada estava enrolada em cobertor e enterrada no Itaguá

Moradores de uma casa no bairro Itaguá, em Ubatuba , localizaram uma ossada humana enterrada no quintal enquanto faziam a troca da grama, na tarde desta quarta-feira (13). A suspeita é que os ossos sejam da ex-proprietária da residência, desaparecida em agosto de 2013.

CLIQUE PARA LER MAIS NOTÍCIAS DO LITORAL NORTE

A professora e tradutora de inglês Carmem Morales, tinha de 62 quando sumiu. Ela morava sozinha na casa e sua vizinha deu queixa do desaparecimento. Dois dias após o registro, o carro da vítima foi encontrado vazio batido em um poste na região do bairro Pedreira Baixa.

Você viu?

Na época, vizinhos testemunharam que viram um homem saindo do veículo Ford Fiesta e retirando uma bicicleta, um violão e outros objetos, após a colisão.

De acordo com a Polícia Civil, as investigações apontaram que havia brigas constantes entre a professora e a família de caseiros que morava no local. Os funcionários também reclamavam que a vítima maltratava seu filho e diversos boletins de ocorrência foram registrados por ambas partes. Ela desapareceu um ano após os desentendimentos.

Localização e identificação da ossada
Anos depois do desaparecimento, o irmão da vítima alugou a casa para uma família. Durante a troca da grama, os novos moradores encontram algo que parecia ser um cobertor e cavaram até encontrar a ossada enrolada no tecido.

Eles acionaram a Polícia Militar e a equipe constatou que era uma mulher, pois havia um sutiã entre os ossos. A perícia da Polícia Civil também identificou uma prótese na coluna, igual a utilizada por Carmem. A ossada será submetida a exame de DNA e comparada à amostras de familiares da vítima para confirmação.

Os osso foram recolhidos e encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) de Caraguatatuba. Devido o estágio avançado de decomposição, exames específicos devem ser feitos pela Polícia Científica para tentar apurar a causa da morte e identificar o autor do crime.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários